Cia. As Tias estreia o espetáculo “Quando Ismália Enlouqueceu” em temporada gratuita na Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo

Com direção de Fernando Cardoso, espetáculo que estreia dia 19 de janeiro, cria reflexão sobre novos costumes da terceira idade. Elenco é formado por Maria do Carmo Soares, Salete Fracarolli, Cleide Queiroz e Joseli Rodrigues.

Credito Sillas H e Vini Poffo 3.jpg

Poemas de Olavo Bilac, Gonçalves Dias, Álvares de Azevedo, Casimiro de Abreu e outros importantes nomes da poesia dos séculos 19 e 20 são levados ao palco em Quando Ismália Enlouqueceu, do grupo As Tias, que estreia no dia 19 de janeiro na Biblioteca Mário de Andrade. O espetáculo segue em cartaz até 17 de fevereiro, com sessões gratuitas aos sábados e domingos, às 18h. A companhia é composta por Maria do Carmo Soares, Salete Fracarolli, Cleide Queiroz Joseli Rodrigues.

No espetáculo, os poemas ganham versões musicadas e dramatizadas, compostas pelo músico Tato Fischer, contemplando ritmos de época como a modinha, o lundu e a catira. Dirigida por Fernando Cardoso, a montagem visa reconstruir a memória de uma época de sonhos e anseios, ao mesmo tempo que mostra a significativa diferença daqueles tempos para os dias atuais. Além disso, a dramaturgia promove uma reflexão sobre o prazer e a alegria de viver na terceira idade, mostrando como os costumes e comportamentos das mulheres idosas mudaram.

 

Credito Sillas H e Vini Poffo 6.jpg

O Brasil conta hoje com 19 milhões de idosos, faixa etária que mais cresce no país, representando 10,5% da população total. Eles despontam como um novo filão para empresas de produtos e serviços, pois 80% desse grupo recebe aposentadorias e pensões, além de ter obtido uma melhoria de renda nos últimos 10 anos. São pessoas que não se contentam mais em ficar em casa cuidando de netos e fazendo trabalhos manuais. Cada vez mais ativa e moderna, a terceira idade procura uma constante qualidade de vida e aproveitamento máximo de tempo.

A montagem foi produzida com recursos do 7º Prêmio Zé Renato de Teatro para a cidade de São Paulo.

 

SOBRE O GRUPO AS TIAS

A companhia AS TIAS estreou o espetáculo “Cabaré Literótico Musicado” em novembro de 2015 no Teatro Commune, no centro de São Paulo. Em 2016, ficou em cartaz por dois meses na SP Escola de Teatro e, em 2017, teve mais dois meses de temporada no Viga Espaço Cênico.  O espetáculo recebeu o prêmio Juri no 1º Festival de Teatro de Passos – MG. Além dessas temporadas, em 2017, a montagem foi apresentada em diversas cidades do interior do Estado de São Paulo pelo programa Circuito Cultural Paulista. Também foram realizadas apresentações em várias unidades do SESC: Piracicaba (interior – SP), Consolação e Pinheiros.

No SESC Consolação, o grupo também realizou um ciclo de Oficinas de Poesias Eróticas para 60+. Em 2018, o espetáculo percorre diversas Casas de Cultura da cidade São Paulo por meio da Secretaria Municipal de Cultura. As Tias é integrado pelas atrizes: Maria do Carmo Soares, Salete Fracarolli, Cleide Queiroz e Jô Rodriges, pelo músico: Tato Fischer e pelo produtor “sobrinha” Marcos Thadeus.

 

Credito Sillas H e Vini Poffo 4.jpg

SINOPSE

Com versões musicadas para poemas de Olavo Bilac, Gonçalves Dias, Álvares de Azevedo, Casimiro de Abreu e outros importantes nomes da poesia dos séculos 19 e 20, a peça visa reconstruir a memória de uma época de sonhos e anseios, ao mesmo tempo que mostra a significativa diferença daqueles tempos para os dias atuais. Além disso, a dramaturgia promove uma reflexão sobre o prazer e a alegria de viver na terceira idade, mostrando como os costumes e comportamentos das mulheres idosas mudaram.

FICHA TÉCNICA

Direção Artística: Fernando Cardoso

Direção de Produção: Marcos Thadeus

Direção e Composição Musical: Tato Fischer

Atrizes: Maria do Carmo Soares, Salete Fracarolli, Cleide Queiroz e Joseli Rodrigues

Músico: Tato Fischer

Coreógrafo: Sérgio Galdino

Cenografia: Marcos Thadeus

Figurinos: Claudio Tovar

Iluminação: André Lemes

Produção Executiva: Nayara Rocha

Assessoria de imprensa: Pombo Correio

Fotos: Sillas H (@sillas.h) e Vini Poffo (@poffovini)

 

Credito Sillas H e Vini Poffo 8.jpg

SERVIÇO

Quando Ismália Enlouqueceu, com direção de Fernando Cardoso

Biblioteca Mário de Andrade – R. da Consolação, 94 – República

Temporada:  de 19 de janeiro a 17 de fevereiro, aos sábados e domingos, às 18h

Ingressos: grátis, distribuídos uma hora antes (um ingresso por pessoa)

Classificação: livre

Duração: 60 minutos

Capacidade: 170 lugares

Fotos: Sillas H e Vinni Poffo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s